Jovem joga querosene em esposa adolescente e sogra a salva de ser queimada viva

Por Redação 04/08/2022 - 19:50 hs

Adolescente, de 17 anos, grávida de três meses, foi atendida pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) nesta quarta-feira, 3 de agosto, após quase ser queimada viva pelo marido, um jovem, de 19 anos. O caso ocorreu na Vila Glória, em Campo Grande (MS), e a sogra da vítima quem a assistiu e convenceu o filho a não atear fogo na adolescente. 

Informações apuradas pelo Diário Digital são de que o casal discutiu pela tarde pois o jovem não queria que a esposa frequentasse as sessões de terapia clínica. A adolescente, então, afirmou que iria para a casa da avó e passou a arrumar os pertences pessoais. O homem jogou o líquido inflamável no corpo e objetos da menina e ameaçou iniciar o fogo.

Quando acendeu o isqueiro, a mãe dele começou a gritar com ele para que ele não continuasse a ação. O acusado desistiu da ação e fugiu da residência em motocicleta após trancar todos na casa.

A Polícia Militar foi acionada ao local para atender o caso. Ao chegarem, utilizaram escada por cima do muro para conversar com os moradores até que parente da família foi até a residência destrancar as portas.

O caso foi registrado pela Polícia Civil, por intermédio da Deam, e o acusado segue foragido.